News

#FecheiNaSim Bixiga 70 fala sobre os contatos e festivais que conseguiu na SIM São Paulo





Um dos nomes importantes da música brasileira nos últimos 10 anos, o grupo Bixiga 70 vem ampliando fronteiras e abrindo caminho para outros artistas nacionais a cada show que faz no exterior. Já foram nove viagens à Europa. “No mês que vem (novembro), iremos novamente com passagem pela Índia”, conta o baterista Décio 7, um dos 10 integrantes da banda.

O Bixiga 70 participou da SIM São Paulo em 2015, apresentando-se em um showcase na sala Adoniran Barbosa, no Centro Cultural São Paulo, e conseguiu contatos que ajudaram a banda a circular pela Europa. “Na SIM recebemos o convite para tocar no Festival d’Ile de France, em setembro deste ano, junto com Guilherme Kastrup, Mulheres Negras, Tulipa, Criolo e Metá Metá”, conta Décio 7.

“Gostamos muito de tocar na sala Adoniram Barbosa, aquele quadrilátero (foto de Eduardo Luderer). Nesse dia conhecemos pessoalmente o Chris Eckman do nosso selo europeu, a Glitterbeat”, conta Décio 7. Chris foi mais um dos convidados da SIM em 2015, em parceria com a BM&A.

Para o Bixiga 70, conferências de música são “um momento legal aonde aprendemos bastante sobre gestão de carreira, trocando informações com outros grupos, managers e bookers. No Porto Musical, a primeira feira que participamos, conhecemos Peter Hvalkof, que nos convidou para tocar no Roskilde. Esse ano tocaremos na Womex, em Santiago de Compostela”.

Sobre as turnês na Europa, só elogios. “Essa última tour do verão europeu, que envolveu o show do Glastonbury, sem dúvida foi uma das mais legais da nossa carreira. Além de tocar em lugares e palcos incríveis, tivemos a oportunidade de assistir bandas que admiramos muito como Konono, Tinariwem, Sons of Kemet”.

O trabalho dos paulistanos chegou a Steve Symons, do badalado festival Glastonbury, na Inglaterra, através de um speed-meeting na SIM São Paulo em 2014. “A coisa do Glastonbury veio especificamente na Semana Internacional da Música”, relembra Décio 7. Na época, Steve comentou: “Se eu viesse para São Paulo sem um evento como a SIM, levaria meses para ver tantas bandas e conhecer tantas pessoas do meio”. Symons é o curador do terceiro palco mais importante do Glastonbury, o West Holts, com uma arena para 25 mil espectadores e cobertura da BBC.

A Semana Internacional de Música de São Paulo 2016 acontece de 07 a 11 de dezembro de 2016. Já garantiu a sua PRO-BADGE? #TeVejoNaSim

  • contato
PRODUÇÃO / PRODUCTION
INFO@SIMSAOPAULO.COM
ASSESSORIA DE IMPRENSA/PR
PRESS@SIMSAOPAULO.COM