News

Com quase 2800 inscritos, SIM São Paulo terá 30 showcases diurnos em 2019





A cada ano, a SIM São Paulo atrai mais artistas e bandas de lugares e estilos diversos interessados em participar da feira. Para a sétima edição, foram 2785 inscrições de projetos musicais de 26 estados brasileiros e 37 países para se apresentar nos showcases diurnos que acontecem no Centro Cultural São Paulo, nos dias 5, 6 e 7 de dezembro de 2019.

A lista de selecionados será divulgada no dia 9 de setembro e, este ano, tem novidade: serão 30 apresentações! A programação, gratuita e aberta ao público que ocupa a Sala Adoniran Barbosa durante o evento, agora terá 10 atrações por dia (até 2018, eram 27 shows divididos pelos 3 dias).

Os números atestam a efervescência da música contemporânea global com crescimento significativo de países representados nas inscrições. O aumento (de cerca 70% de novas nacionalidades em relação ao ano passado) é reflexo da circulação da SIM por diversas music conventions espalhadas pelo mundo e do reconhecimento internacional da feira como ponto estratégico de entrada a um dos mercados que mais crescem no mundo: o mercado da música latinoamericano.

Só no último ano, representantes do Conselho Consultivo marcaram presença em eventos como Pop Montreal (Canadá), MIL - Lisbon Internacional Music Networking (Portugal), MAPAS e MMVV (Espanha), FIM PRO (México), Circulart (Colômbia), MEDMEX (Itália), Oslo World (Noruega), The Great Escape (UK), Music Cities (Chengdu/China), Palestine Music Expo (Palestina), ONGEA (Quênia), SXSW (USA), Imesur (Chile), entre outras. 

Mais uma vez, a Argentina movimentou um grande número de inscritos: 1011 propostas enviadas, reflexo da parceria da SIM com o Instituto Nacional de la Música (INAMU), organização sem fins lucrativos que mais apoia a vinda de artistas argentinos ao evento. A América Latina está representada também por outros países como México, Peru, Chile, Uruguai, Colômbia, Venezuela, Equador e Bolívia, reafirmando o papel agregador da SIM para a cena do continente.

A parceria com a SODEC, agência de apoio às indústrias culturais de Quebec, incentiva a vinda de profissionais à SIM São Paulo desde 2016. Este importante estímulo institucional à exportação é sensível na quantidade de artistas do Canadá que se candidatam a uma vaga na programação do evento - o que também se pode observar em relação à França, Reino Unido e Austrália.

Na Europa, a Península Ibérica tem destaque. A parceria com o MIL abre novos caminhos e impulsiona o intercâmbio musical entre Brasil, Portugal e outros países lusófonos, além de estreitar pontes com o restante da Europa e África. E a conexão com a Espanha parece estar se firmando via MAPAS, das Ilhas Canárias, e Mercat de Música de Vic, da Catalunha, dois eventos cada vez mais importantes para o mercado iberoamericano.

Países de outras partes da Europa, África e até no Oriente Médio começam a aparecer entre os inscritos, mostrando o crescimento da relevância global da feira. Com destaque para a Itália que depois da vinda da banda Kalàscima, em 2018, e da passagem da SIM pela última edição do MEDMEX, graças à parceria com a Puglia Sounds, despontou este ano com 15 propostas enviadas (contra 1, no ano passado).

No Brasil, a histórica concentração de mercado no Sudeste novamente se reflete nas inscrições: São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais lideram o ranking; e o Espírito Santo vai firmando sua posição no cenário nacional, apoiado na articulação de agentes e eventos locais como o Formemus. Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul mantém seu lugar de destaque, também estimulados por feiras regionais como a FIMS (PR), Tum Sound Festival (SC) e Tum Tum Semana de Música (RS).

Com histórico de políticas públicas para desenvolvimento da cena musical, o que impulsiona artistas e bandas locais a buscarem novos palcos e público, Distrito Federal, Pará e Ceará  também representam um bom volume de inscrições. Puxados pela Bahia e por Pernambuco, outros estados nordestinos aumentaram o número de candidaturas. Estados da região norte e centro-oeste enviaram suas propostas deixando apenas o Acre sem representação na lista de inscritos da SIM, panorama que atesta a força da produção musical nacional.

 

VEJA OS DADOS SOBRE OS INSCRITOS PARA SHOWCASES DIURNOS NA SIM 2018

  • contato
PRODUÇÃO / PRODUCTION
INFO@SIMSAOPAULO.COM
ASSESSORIA DE IMPRENSA/PR
PRESS@SIMSAOPAULO.COM